O Jornal Analítico é um projeto profissional independente que busca através das notícias, opiniões e análises criar um senso crítico que amplie a capacidade de entendimento social do leitor. Sempre com a seriedade que o jornalismo profissional necessita. Amplie-se.

-Publicidade-

A prioridade de Bolsonaro é o CNPJ e fecha os olhos para os CPF’s.

0

Bolsonaro já se provou uma rainha da Inglaterra que não governa. A rainha pelo menos não atrapalha, diferente do presidente daqui.

A prioridade de Bolsonaro é o CNPJ e fecha os olhos para os CPF's.
Imagem retirada do blog do Esmael

Hoje, quinta-feira (7), após reunião com empresários que cobraram a abertura do comércio, pasmem! (em meio a uma crise sem tamanho na saúde). O mensageiro Bolsonaro foi até o ministro Dias Toffoli levar essa demanda dos empresários para que Toffoli, ministro do STF, faça algo. Oras, quem é o presidente, Toffoli ou Bolsonaro??

Enfim, o notório é: o descompasso do governo federal que patina, samba e nada faz na gestão da crise. Prefere rifar cargos políticos para livrar um provável impeachment, caso as investigações sejam feitas de maneira serias e isentas.

O mais escrachado é quem realmente manda: os empresários! Esse 1% da população se sente prejudicado pelo isolamento, já que reduziu vendas e lucros. E de maneira asquerosa para forçar uma crise de empregos e forçar a reabertura começa a demitir todo mundo e joga gasolina em cima de um incêndio gigantesco, o da saúde.

PUBLICIDADE

O antigo ministro da saúde priorizava o isolamento social (que trouxe efeitos e reduziu a velocidade da Pandemia, ficou claro). Agora, Nelson Teich, diz que vai propor o lockdown, pois o isolamento por parte da população vem a cada dia diminuindo, e como uma gangorra eleva o número de mortos e o esgotamento na rede de saúde. Uma bola de neve! Enquanto isso o coveiro diz que vai abrir a economia.

O descompasso é enorme!

Esse descompasso não é apenas com a saúde, mas também com o ministro Paulo Guedes da economia. Guedes fala A e o Bolsonaro C,D,E…. Enfim.

Preocupado com a reeleição, Bolsonaro joga o problema para torcida e no colo dos governadores e prefeitos que mediante a gravidade da Pandemia foram obrigados a estabelecer medidas de isolamento, pois eles vivenciam diariamente as mortes e o colapso nos sistema de saúde.

O presidente lida com seus problemas como uma batata quente: “não tá comigo!”. E daí? E daí que a ingerência da crise é vexatória, internamente e mundialmente. O preço vai cair no colo de quem o elegeu e de quem não o elegeu também, infelizmente.

A população sofre por falta de capacidade na gestão nacional. O presidente frisa o CNPJ e fecha os olhos para os CPF’s. Vergonha e preocupação são os sentimentos.

Renan Aversani

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

quinze + oito =