O Jornal Analítico é um projeto profissional independente que busca através das notícias, opiniões e análises criar um senso crítico que amplie a capacidade de entendimento social do leitor. Sempre com a seriedade que o jornalismo profissional necessita. Amplie-se.

-Publicidade-

SBT transmitirá Libertadores da América

0

O SBT transmitirá Libertadores da América. Emissora fechou com a Conmebol a compra dos direitos de transmissão da competição para TV aberta, até 2022.

O contrato entre o SBT e a Conmebol foi assinado na manhã desta quinta-feira (10), pelo vice-presidente da emissora, José Roberto Maciel, e representantes da Conmebol, a entidade máxima do futebol sul-americano. A primeira transmissão programada será da partida entre Bolívar e Palmeiras, pela terceira rodada da fase de grupos, na próxima quarta-feira (16/9).

O SBT não possui uma equipe técnica formada para transmissões esportivas e terá que correr atrás de profissionais que sejam habilitados para realizarem os jogos.

Entre os narradores, a emissora pensa em Téo José que hoje trabalha para os canais Disney, realizando transmissões pela Fox Sports e Andre Henning que é nome titular da Turner em transmissões do Brasileirão e da Liga dos Campeões da Europa. Ambos estão com contrato perto do fim com seus empregadores.

Já para as reportagens, o SBT pretende ir atrás de Mauro Naves, que hoje é contratado dos canais Disney. Mauro Naves tem grande currículo no meio esportivo e possui conhecimento suficiente para entrar no projeto, visto sua carreira de anos na TV Globo.

PUBLICIDADE

SBT transmitirá Libertadores da America
imagem divulgação / Conmebol

O SBT não precisará se preocupar com aspecto técnico das transmissões (equipamentos, especialistas etc), pois a Conmebol é a responsável pela parte técnica em todas transmissões.

Horários e grade de programação

O SBT não terá o poder de alterar os horários dos jogos. A emissora apenas herdará o que já havia sido escolhido pela Globo, que escolheu rescindir o contrato de transmissão durante a Pandemia.

Somente a partir da fase de mata-matas, a emissora de Silvio Santos poderá escolher horários que se adequem melhor a sua grade, incluindo a possibilidade de exibir jogos mais cedo.

A estreia oficial do SBT na Libertadores (Palmeiras x Bolívar) concorrerá com Corinthians x Bahia, pelo Campeonato Brasileiro, que será mostrado pela Globo no mesmo horário.

Quem tem mais, tem três!

O brasileiro aprendeu a gostar da Copa Libertadores e hoje o título é obsessão por todos os grandes clubes do país, mas nem sempre foi assim.

Se a Libertadores virou obsessão para os brasileiros, a “culpa” é de Telê Santana. O torneio ganhou outra importância após os títulos do São Paulo Futebol Clube na década de 90. Mestre Telê, como é chamado, nos deixou há dez anos, mas seu legado é eterno.

SBT Libertadores da america
Telê Santana – Divulgação/saopaulofc.net
Os times brasileiros que mais vezes levantaram a taça:

São Paulo: Com três títulos na Libertadores (1992, 1993 e 2005), o São Paulo está entre as equipes brasileiras com o maior número de conquistas no torneio. Alguns atletas destacaram-se durante as campanhas. Em 1992, o meia Raí foi decisivo ao marcar o gol que levou à final para a decisão por pênaltis. O atacante Muller também deixou sua marca ao conquistar, com o São Paulo, o bicampeonato, em 1992 e 1993. Sendo o jogador que mais vestiu a camisa de um mesmo clube na história do futebol mundial, o goleiro Rogério Ceni também foi bicampeão da Libertadores (1993 e 2005), sendo que, na segunda vez, deixou muitas marcas na competição.

Santos: Ainda na era da Copa Campeões da América, o Santos foi o responsável por atrair a atenção internacional para o torneio. Com uma das melhores equipes de todos os tempos, o time liderado pelo Rei Pelé venceu o torneio de 1962, derrotando o então Bicampeão Peñarol na final e tornando-se o primeiro clube brasileiro a garantir o título na competição. No ano seguinte, Pelé e Coutinho destacaram-se em suas habilidades ao vencer o torneio em cima do Boca Juniors com duas vitórias. Após 48 anos, em 2011, o Santos de Neymar voltou a vencer a copa, ao superar novamente o Peñarol.

Grêmio: O Grêmio conquistou a Libertadores em 1983, 1995 e 2017. Na primeira vez, o time que tinha o ídolo Renato Gaúcho venceu o Peñarol (campeão da época). Em 1995, com a dupla Jardel e Paulo Nunes, o Grêmio venceu o Atlético Nacional, que, naquela época, contava ainda com a figura do goleiro Higuita. O Grêmio voltou a deixar o Brasil no topo da Libertadores em 2017, quando derrotou o Lanús, da Argentina, na final. No último título, o destaque foi Luan.

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

17 + dezenove =