O Jornal Analítico é um projeto profissional independente que busca através das notícias, opiniões e análises criar um senso crítico que amplie a capacidade de entendimento social do leitor. Sempre com a seriedade que o jornalismo profissional necessita. Amplie-se.

-Publicidade-

Computação de nuvem

0

Do disquete para a nuvem: como que a necessidade de armazenamento e disponibilidade de dados cada vez maior mudaram o acesso à tecnologia?

Que a tecnologia transformou nossa forma de interagir com o mundo a nossa volta, nas últimas décadas, ninguém duvida.

Em 1997, quando estagiava em uma empresa de engenharia focada em projetos elétricos para prédios comerciais e residenciais, fui designado para transformar alguns desenhos feitos à nanquim em desenhos digitais, dentro de um software específico.

Todavia, eu teria que instalar e configurar esse programa no meu computador.

Ali começava uma saga. Eram necessários alguns CDs para que toda a instalação fosse concluída e ter, pelo menos, a manhã inteira despendida nesse processo.

PUBLICIDADE

Claro que nessa época tudo precisava ser instalado na sua máquina, as incontáveis “dlls” deveriam estar nas pastas corretas, sem contar que você deveria ter o disquete para ativar seu produto. Sim, eu disse disquete!

Já se passaram 23 anos daquele dia, e hoje, o que foi criado no aspecto de conectividade e facilidade de integração, trouxe a facilidade de fazer com o que o seu dispositivo faça apenas a interação com tudo que está depositado em um outro lugar… Mas que lugar Wagner? no além? não, na nuvem!

Esse conceito de disponibilidade mudou tudo o que pensamos sobre propriedade e trouxe impactos para nosso dia-a-dia. O resultado? Hoje, nos vemos cada vez mais presos aos dispositivos digitais, pois com o passar dos anos todas as empresas se utilizam desse recurso, de uma forma ou de outra.

O que é computação de nuvem?

Em tecnologia, quando falamos nuvem ou cloud, basicamente nos referimos aos serviços de computação, com infraestrutura completa (servidores, redes, softwares, banco de dados) disponíveis através da internet.

Com isso, todo esse pacote, que antes o TI da sua empresa era responsável, agora fica alocado em uma outra empresa, que garante disponibilidade e serviços conforme solicitados, diminuindo os custos operacionais.

Vantagens

No topo da nossa lista, está o custo. Não é mais preciso investir um alto valor inicial para compra e instalação de toda a infraestrutura, que vai além do TI. Dependendo da criticidade do negócio (bancos, hospitais, entre outros) você precisa garantir a disponibilidade com geradores elétricos e ter um grande time de especialistas.

Escala. Aqui há vantagem dependendo do crescimento do seu negócio. Caso seja preciso contratar mais serviços ou espaço de armazenamento, basta comprar esse serviço e pagar um valor maior por mês, sem se preocupar com a sua infraestrutura local, como mais espaço, mais refrigeração, ou ainda funcionários.

Quando esses dados estão na sua empresa ou casa, você está vulnerável a ataques de hackers ou qualquer intempérie. Com serviços de computação de nuvem, as empresas possuem políticas e tecnologia que garantem a confiabilidade e segurança contra ataques e/ou perda de dados.

Isso inclui sistemas de backup e armazenamento correto das informações, recuperação e continuidade das operações, pois em muitos casos, os servidores são redundantes e instalados em locais diferentes.

Para esse tipo de serviço você encontrará alguns tipos de contratação disponíveis no mercado. Vamos falar de dois tipos.

IaaS (Infraestrutura como Serviço)

Aqui, podemos de forma geral, pensar que estamos pagando por infraestrutura de funcionamento. Servidores, máquinas virtuais, redes, armazenamento, entre outros. Nesse caso, a máquina que utilizamos como acesso ao sistema de infraestrutura, pode não ser tão robusta, já que o maior peso de processamento está na estrutura que será acessada.

PUBLICIDADE

Saas (Software como Serviço)

Aqui, a modalidade é armazenagem de aplicativos e softwares que são acessados por diversos dispositivos e são pagos como assinatura. A vantagem é que os provedores armazenam as aplicações e os desenvolvedores dos softwares não se preocupam com manutenção e atualizações do sistema, garantindo a disponibilidade e segurança.

Computação de nuvem
Computação de nuvem

E qual o próximo passo?

Os serviços de nuvem têm se tornado tão acessível, que provavelmente você já utilizou ou utiliza softwares ou serviços assim.

Nas empresas, pacotes de softwares já são disponíveis apenas de maneira online. O mercado que disponibiliza essa infraestrutura vem crescendo no mundo, tendo alcançado valores institucionais significativos no mercado.

Desde que não tenhamos problemas com conexões e acesso, essa tecnologia chamada computação de nuvem, será cada vez mais diversificada e utilizada em todos os níveis da computação. Com certeza, soluções que não se aprimorarem irão morrer, e literalmente, ir para a nuvem.

Esta matéria foi escrita em parceria com o empresário e engenheiro especialista em tecnologia, Wagner Rodrigues. Acesse suas redes sociais e conheça mais de seu trabalho.

Quer mais artigos de tecnologia? Continue navegando

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

20 − dezesseis =